Lanchas

Navio de pequeno deslocamento (menos de 200 toneladas) e comprimento inferior a 35 metros, com armamento reduzido, destinadas a missões de segurança e autoridade do Estado no mar.
« Voltar
Home » Meios e Operações » Meios » Navios » Lanchas » NRP Rio Minho
NRP Rio Minho
NRP Rio Minho
Galeria de Imagens

 

 Content Editor

 
Características
Deslocamento 70t
Comprimento 22,4m
Boca 6m
Calado 0,77m
Propulsão
Velocidade Máxima 9nós
Guarnição
Oficiais 1
Sargentos 1
Praças 6
Armamento e sensores
1 Metralhadora ligeira HK-21 7,62 mm
1 Radar de navegação FURUNO 1505 DA
Entrada ao serviço: 31-Ago-1991
Brasão de Armas

Flâmula Heráldica

Flâmula azul dividida em quatro bandas por listel de prata, posto em banda, carregado da legenda NRP Rio Minho, em letras negras maiúsculas, do tipo elzevir, e a primeira partição do escudo carregada de uma lampreia de prata.

PATRONO

O rio Minho é um rio internacional que nasce a uma altitude de 750 metros na serra de Meira (Espanha) e percorre cerca de 300 quilómetros até desaguar no oceano Atlântico a sul da localidade da La Guardia (Espanha) e a norte de Caminha. Nos últimos 75 quilómetros do seu percurso, entre Melgaço e a foz, o rio Minho serve de fronteira entre Espanha e Portugal.​

Factos

Numa adequação perfeita ao meio, o NRP Rio Minho, é caracterizado pelo seu reduzido calado e ausência de hélices ou portas de leme. A sua propulsão e governo são assegurados por dois jatos de água omnidirecionais, conferindo uma excelente capacidade de manobra e menores condicionalismos perante os constrangimentos morfológicos e geográficos do meio. A lancha possui espaçosos alojamentos para a guarnição, constituída por um oficial e um sargento e seis praças. A sua compartimentação garante a sobrevivência da lancha mesmo com dois compartimentos contíguos alagados.

Esta lancha de fiscalização foi concebida para a patrulha da fronteira fluvial norte de Portugal, principiada em 1864, e tem como missão:

  • Fiscalizar e controlar as águas do Troço Internacional do Rio Minho, a jusante de Valença, e, ocasionalmente, a área costeira adjacente à sua foz;
  • Exercer presença naval;
  • Executar atos de representação;
  • Contribuir para o sistema de salvamento marítimo.
​​​​​