Marinha e Autoridade Marítima alertam: Mar agitado e ondulação forte no Arquipélago dos Açores
Notícia

Portal da MarinhaPortuguês (Portugal)Media CenterNotíciasMarinha e Autoridade Marítima alertam: Mar agitado e ondulação forte no Arquipélago dos Açores
A previsão do estado do mar prevê um agravamento excecional das condições meteorológicas e oceanográficas no arquipélago dos Açores, com especial incidência nos grupos ocidental e central, devido à tempestade tropical Lorenzo, entre a noite de terça-feira (01 de outubro) e a madrugada de quinta-feira (03 de outubro).

30 de setembro de 2019, 11:10

​​​​​​​​​Esta situação está associada à passagem da tempestade tropical Lorenzo, de intensidade excecional, que resultará numa ondulação com altura significativa entre os 10 e 16 metros, nos Grupos Ocidental e Central, com período médio a variar entre os 14 e 16 segundos.

O vento poderá registar velocidades superiores a 120 km/h e rajadas acima dos 160 km/h.

Assim, a Autoridade Marítima Nacional e a Marinha reforçam a recomendação, em especial à comunidade piscatória e da náutica de recreio que se encontra no mar, o eventual regresso ao porto de abrigo mais próximo e a adoção de medidas de precaução.

Recomenda-se à comunidade marítima o planeamento e tomada de medidas de precaução atempadas, que podem passar, por exemplo, pela verificação e reforço de amarrações, pela colocação das embarcações a seco em lugar seguro, afastado até das próprias rampas de varagem e, no caso de embarcações de maior porte, a sua eventual deslocação para portos de abrigo afastados do possível trajeto da tempestade.

A população em geral deve abster-se de se aproximar da orla marítima, da prática de passeios junto à orla marítima e nas praias, bem como da prática de atividades lúdicas no mar.

Aconselha-se igualmente que os marítimos mantenham um estado de vigilância permanente e o acompanhamento da evolução da situação meteorológica e dos avisos à navegação e de previsão meteorológica, radiodifundidos pela Marinha e pelo IPMA, bem como outras informações das capitanias dos portos, sobre as condições de acesso aos portos, evitando sair para o mar até que as condições melhorem.

 


 

Partilhar

Conteúdo