"À mesa com a Marinha. Tradição, requinte e modernidade"
Notícia

Portal da MarinhaPortuguês (Portugal)Media CenterNotícias"À mesa com a Marinha. Tradição, requinte e modernidade"
O Chefe do Estado-Maior da Armada, almirante António Mendes Calado, recebeu hoje a mais recente obra de Paulo Santos dedicada a uma forte tradição naval - a comida e todo o universo que a envolve.

18 de novembro de 2020, 22:55

​A gastronomia é uma das marcas da identidade portuguesa. No prefácio do livro, o Chefe do Estado-Maior da Armada refere que "também a Marinha Portuguesa se credita como fiel depositária desta tradição, que, no mar e em terra, no decurso da sua longa história, foi cultivando e elevando como um serviço de qualidade, excelência e requinte, potenciando esta dimensão da nossa cultura um pouco por todo o Mundo." 
É esta realidade que fica visível no terceiro livro do autor dedicado à temática da tradição da gastronomia e de tudo o que envolve os seus rituais, protocolo e cultura da Marinha. Para Paulo Santos, o leitor pode esperar na obra "À mesa com a Marinha. Tradição, requinte e modernidade" o contar da história de séculos de tradição à mesa mas também conhecer a atualidade​ e realidades tão atuais como a intervenção da Marinha no apoio às refeições em Pedrógão, após os incêndios de 2017, e mesmo já a atuação durante a atual fase pandémica. O livro destaca-se ainda pela sua forte componente visual e também prática, que permite ao público ter conhecimento de diversas receitas realizadas na Marinha e que as pode colocar em prática.
 
A obra está disponível ao público na Loja do Museu de Marinha, em Belém.
 
Nota biográfica de Paulo Santos
 
Formado em Ciências Políticas, Sociologia e Planeamento do Território e Estudos Europeus pela Universidade de Genebra. Foi durante 20 anos consultor na área da Política Regional e dos Fundos Estruturais da União Europeia. Desde 2004, tem se dedicado ao estudo da iconografia, pintura, e simbologia naval em Portugal. É autor de uma monografia sobre um o Pintor de Marinha Português do Século XIX:  João Pedroso Gomes de Silva (1825-1890). Publicou vários livros sobre identidade e temas navais com os seguintes títulos: “Espadas e Sabres de Marinha Portuguesa”; “O Botão de Ancora da Marinha Portuguesa “e mais recentemente dois volumes dedicados “À Mesa com a Marinha”. É colaborador da Revista da Armada e da Revista de Marinha. É Membro Efetivo da Academia de Marinha, na qual exerce atualmente o cargo de Vice-secretário da Classe de Artes, Letras e Ciências. É membro do ICOMOS Portugal, da AGIC e Membro Fundador do Rotary Club Lisboa Internacional Francófono. Exerce a Profissão de Guia-Intérprete Nacional.





Partilhar

Conteúdo