Fragata da Marinha portuguesa leva formação e apoio social a São Tomé e Príncipe
Notícia

Portal da MarinhaPortuguês (Portugal)Media CenterNotíciasFragata da Marinha portuguesa leva formação e apoio social a São Tomé e Príncipe
A fragata “Álvares Cabral”, da Marinha portuguesa, durante a sua passagem por São Tomé e Príncipe, desenvolveu, entre os dias 20 e 25 de fevereiro, várias atividades de formação e treino conjuntos com as Forças Armadas de São Tomé e Príncipe, assim como ações de apoio técnico, para devolver a operacionalidade a algumas embarcações, de apoio social, com a realização consultas médicas à população, e entrega de material social a várias instituições.

01 de março de 2019, 15:31

​​​​No âmbito da cooperação internacional com países amigos, a fragata portuguesa prossegue agora com a sua missão, no Golfo da Guiné. Luanda é o próximo porto onde irá permanecer e, no qual, serão realizados vários treinos de mar, em parceria com a Marinha de Guerra angolana e com a Academia Naval de Angola, com a possibilidade de receber a bordo alguns cadetes.

A fragata “Álvares Cabral”, da Marinha portuguesa, integra a Iniciativa Mar Aberto 2019, no âmbito da cooperação no domínio da defesa, com o objetivo principal de contribuir para o reforço internacional de capacitação dos países do Golfo da Guiné, em particular dos países de língua oficial portuguesa, em matéria de segurança marítima e no combate às atividades ilícitas no mar.

O navio, comandado pelo capitão-de-fragata Alexandre Martins dos Santos Fernandes, conta com 159 militares a bordo, incluindo não só equipas de fuzileiros, mergulhadores e médicos, mas também o Comandante da missão Mar Aberto, o capitão-de-mar-e-guerra Nuno António de Noronha Bragança.​




Partilhar

Conteúdo